Últimos
Capa » Notícias » Nacional » Governo do Estado anuncia construção de frigorífico suíno em Colorado do Oeste
Governo do Estado anuncia construção de frigorífico suíno em Colorado do Oeste

Governo do Estado anuncia construção de frigorífico suíno em Colorado do Oeste

O governador Confúcio Moura anunciou a construção de um frigorífico suíno no município de Colorado do Oeste que irá beneficiar os criadores do Cone Sul. O setor de suinocultura é um dos mais promissores do país, cresce em média 4% ao ano. O empreendimento custará R$ 3 milhões e será construído com recursos próprios do governo do Estado.
Confúcio Moura anunciou que irá construir um frigorífico suíno no município de Colorado do Oeste, “no Cone Sul temos muitos produtores que vieram de outros Estados que tem tradição na criação de suinocultura. O frigorífico irá fomentar ainda mais a produção nessa região”, afirmou.
O empreendimento ficará sob a responsabilidade da Associação de Criadores de Colorado do Oeste. O abatedouro terá capacidade para abater 300 animais por dia. E tem como objetivo principal fomentar a criação de suinocultura no Cone Sul gerando emprego e renda, além de diversificar a produção entre os pequenos agricultores. Segundo o governador Confúcio Moura, a carne suína será comercializa no mercado interno e externo.
O Brasil é o quarto lugar no ranking de produção e exportação mundial de carne suína. Isso graças as pesquisas e investimentos feitos no setor, que resultaram na qualidade da sanidade, nutrição, manejo e principalmente no aprimoramento gerencial dos produtores que contribuíram para aumentar a oferta interna e colocar o país em destaque no cenário mundial. Criadores de suínos de Rondônia também querem uma fatia desse mercado tão promissor.
Por 20 anos, especialistas brasileiros investiram na evolução genética da espécie, o que resultou numa carne de melhor qualidade, reduziu em 31% a gordura, 10% o colesterol e 14% as calorias, tornando a carne suína mais magra, nutritiva e saborosa.
A produção no país cresce em média 4% ao ano. Atualmente, o Brasil representa 10% do volume exportado de carne suína no mundo, chegando a lucrar mais de RS$ 1 bilhão de dólares por ano.

Fonte: Eleni Caetano – Decom