Últimos
Capa » Notícias » Política » Estadual » Lebrão diz em Rio Pardo que decretos que criaram reservas florestais têm que ser revogados
Lebrão diz em Rio Pardo que decretos que criaram reservas florestais têm que ser revogados

Lebrão diz em Rio Pardo que decretos que criaram reservas florestais têm que ser revogados

O deputado José Lebrão (PTB), 1º Secretário da Assembleia Legislativa, ao participar na manhã de hoje da Audiência Pública da Assembléia Legislativa em Rio Pardo, área pertencente ao Município de Buritis e que está passando por um clima de conflito, disse que as autoridades estaduais e federais esqueceram o massacre de Corumbiara e de Eldorado dos Carajás. Lebrão disse que lamenta a atual situação de conflito entre o governo e os colonos, mas que tem que ficar claro que o problema é antigo e que as lambanças dos governos passados foram esquecidas. “No afã de agradarem os ditames do Governo Federal – disse Lebrão – os governos anteriores venderam esse povo quando decretaram como reservas florestais várias áreas produtivas e que estavam sendo trabalhadas por centenas de famílias”.
Lebrão foi incisivo ao afirmar que está cansado de discursos e que os deputados estaduais têm que tomar uma decisão firme a partir de agora, para evitar derramamento de sangue como aconteceu há poucos dias, quando um policial da Força Nacional foi morto em confronto com os moradores.
O deputado convocou a todos os demais parlamentares para que se reúnam o mais rápido possível, a fim de definirem ações para por fim a essa série de conflitos. Lebrão disse que o parlamento estadual pode agir, inclusive revogando decretos que criaram reservas florestais inócuas. “O povo quer trabalhar. Temos que fazer valer a prerrogativa dos parlamentares de exigir o melhor para o povo e trazer a Comissão do Meio Ambiente para ver, in loco, os problemas que esse povo está passando, expulsos de suas casas – finalizou Lebrão”.

Fonte:David Casseb