Início » Notícias » Mulher pode ter servido carne do amante em churrasco

Mulher pode ter servido carne do amante em churrasco

Uma investigação do canal “Investigation Discovery” descobriu que a americana Kelly Cochran teria se alimentado dos restos mortais do amante, Chris Regan, após tê-lo matado e esquartejado, com o auxílio de seu marido. O crime ocorreu em 2014 nos EUA.
Kelly admitiu no tribunal que ela e seu marido atraíram seu amante, atiraram nele e o esquartejaram. Em seguida, teriam servido os restos mortais de Chris em churrasco com os vizinhos. Os vizinhos relataram que a carne tinha um sabor estranho.
Em maio de 2017, a mulher foi sentenciada à prisão perpétua pelo crime e, no ano seguinte, foi condenada a 65 anos de prisão pela morte do marido com uma dose letal de heroína.

A família de Cochran disse aos investigadores que ela pode ter matado até nove pessoas e enterrado os corpos em vários pontos dos EUA, o que faz dela uma das maiores serial killers do país.

Fonte: Discovery

Veja também

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RONDÔNIA