Início » Notícias » Política » Municipal » Projeto de recuperação de nascentes é intensificado em Cacoal

Projeto de recuperação de nascentes é intensificado em Cacoal

Ação é realizada pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, e parceiros.
Preocupada com a promoção de iniciativas que garantam a sustentabilidade da população da área rural, a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri), intensificou o trabalho de recuperando nascentes assoreadas, por meio do projeto ‘Renascer das Águas’. A iniciativa prevê também a recuperação do solo das propriedades rurais com técnicas que evitam que as águas das chuvas escorram para as nascentes.
O projeto é realizado pela equipe e máquinas da Semagri, com recursos do Fundo Municipal de Meio Ambiente e Agricultura e, apoio de produtores rurais, entidades e empresas da cidade, como a Castilho o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saee) que fornecem alguns dos materiais utilizados no processo, como pedras e canos.
Para a prefeita Glaucione Rodrigues, o trabalho tem como foco principal garantir a sustentabilidade para o homem do campo, em especial, os pequenos produtores. “A água é o bem mais precioso que temos e, precisamos cuidar bem dela. Pensando nisso, colocamos em prática este projeto que está levando esperança e progresso para propriedades que já enfrentavam dificuldades com a falta de água”, esclarece.
De acordo com o técnico da Semagri, Jorge Murer, mais de 30 nascentes já foram recuperadas no município pelo projeto. “Esta é uma medida que parece simples, mas que possui um legado social incalculável, tendo em vista, que com investimentos de baixa custo, principalmente para o produtor, estamos garantindo a permanência e o fortalecimento das famílias no campo, com o ressurgimento da água nas propriedades”, explica.
Ainda de acordo com Murer, o trabalho consiste na recuperação das nascentes que foram assoreadas com o desmatamento de suas cabeceiras e a construção de curvas de nível, barraginhas, que visam proteger as nascentes das enxurradas. O processo é composto ainda pela descompactação do solo, para que a água das chuvas consiga penetrar no lençol freático, cercamento da área da nascente e a recomposição da mata ciliar.
Edson Machado, morador da Linha 14, foi um dos primeiros agricultores a receber o projeto em sua propriedade. De acordo com ele, antes da recuperação, a água que era distribuída para o abastecimento da casa e para a alimentação das represas secava no período de estiagem, devido o assoreamento da nascente. “Graças ao projeto hoje temos água em abundância para todas as atividades da propriedade. Agora só cuidar que não volte assorear de novo”, revela.
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), campus Cacoal, também recebeu o projeto. Na instituição foi recuperada uma nascente responsável pelo fornecimento de água para o abastecimento da instituição e dos projetos de irrigação que são desenvolvidos no campus. O trabalho de recuperação contou com o apoio de professores, técnicos e os alunos dos cursos integrados em Agropecuária e Agroecologia. Para o diretor-geral do campus, Davys Negreiros, o projeto mudou o cenário de crise hídrica na instituição e é um novo marco na gestão da unidade. “O mínimo que podemos fazer agora é oferecer o nosso espaço como um modelo para que mais produtores conheçam”, aponta.

Fonte: Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Cacoal

Veja também

Follador prestigia entrega de certificados a agentes de trânsito mirins em Ariquemes