Início » Notícias » Traficantes, foragidos e carros roubados são pegos em operação no Viver Melhor
Foto: Winnetou Almeida

Traficantes, foragidos e carros roubados são pegos em operação no Viver Melhor

Traficantes de drogas, foragidos “conhecidos” da Justiça, armas e carros roubados foram pegos, até o momento, durante a Operação “Treme Terra”, deflagrada desde o início da manhã de hoje (26) em todas as etapas do Conjunto Habitacional Viver Melhor e adjacências, na Zona Norte da capital. Onze pessoas já foram presas e um adolescente foi apreendido. Os veículos irregulares somam seis motos e dois carros.
A mega operação policial, que iniciou por volta das 5h, teve por objetivo combater a ação de criminosos naquela região, que tem sido alvo constante de traficantes, facções e ponto de “desova” de cadáveres. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão.

Até o momento 12 pessoas já foram presas e um adolescente apreendido com drogas e armas. Veículos irregulares somam seis motos e dois carros. A operação “Treme Terra” continua no decorrer do dia.

Entre os presos estão pessoas que foram pegas em flagrante portando drogas, armas e com veículos roubados e também alguns foragidas do sistema carcerário “conhecidos” da Justiça, como o traficante Emerson William Lima Saldanha, vulgo “X-Salada”, apontado pela polícia como autor de três homicídios e responsável pelo fornecimento de drogas nas comunidades Monte Horebe, Estrela de David, Paraíso Verde e parte do Buritizal.
Segundo a SSP, toda a operação foi desencadeada após a denúncia de moradores de que traficantes estariam expulsando os proprietários dos imóveis de dentro das suas próprias casas sob forte ameaça e violência. Os presos foram pegos de “surpresa” pelos policiais, que cercaram o conjunto. A precariedade na segurança dentro do Viver Melhor foi, inclusive, reportagem do jornal A CRÍTICA no início deste mês.
Ao todo, a operação contou com a participação de 400 policiais, entre membros do Grupo Força Especial Resgate e Assalto (Fera), do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), da Força Tática, da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), do Departamento Integrado de Operações Aéreas (DIOA), da Companhia Independente de Policiamento com Cães, Cavalaria, delegacias especializadas e agentes do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran).
A SSP informou ainda que os trabalhos devem continuar e os resultados da Operação “Treme Terra” serão apresentados durante coletiva de imprensa ainda hoje com os presos e as apreensões.

Fonte: Márcia Monteiro
Manaus (AM)

policiais notificaram 8.513 ultrapassagens irregulares, mais de 70 ocorrências por hora.

Veja também

Unidade do Detran é arrombada; atendimento é suspenso

Ninguém escapa. A nova vítima da onda de assaltos em Rio Branco é a Unidade …