Início » Notícias » Cidadania » Maurão verifica últimos ajustes na nova sede da Assembleia Legislativa, que será inaugurada dia 22
Maurão verifica últimos ajustes na nova sede da Assembleia Legislativa, que será inaugurada dia 22-Jan19-Diego Queiroz-Decom-ALE-RO

Maurão verifica últimos ajustes na nova sede da Assembleia Legislativa, que será inaugurada dia 22

Presidente vistoriou a colocação das cadeiras do plenário e outros setores do prédio
A nova sede da Assembleia Legislativa está pronta para ser inaugurada na próxima terça-feira (22), às 9h. Nesta semana, o presidente Maurão de Carvalho (MDB), tem percorrido gabinetes e os demais setores do prédio que recebem os ajustes finais para a entrega definitiva.
Na manhã desta quinta-feira (17), ele acompanhou os trabalhos de colocação das bases onde serão assentadas as cadeiras do plenário, que já recebeu os painéis e outros acessórios, imprescindíveis à realização das sessões, além de verificar o andamento dos trabalhos em outras áreas do prédio.
“O prédio antigo funcionava de forma precária, por ter sido adaptado de um hospital e não comportava mais melhorias. Com recursos do orçamento da Assembleia, concluímos a obra e agora os servidores terão um espaço adequado de trabalho, além dos parlamentares e visitantes”, explicou Maurão.
A construção da nova sede da Assembleia Legislativa de Rondônia teve início em 17 de novembro de 2009 e será inaugurado com o nome de Palácio Marechal Rondon. A nova casa conta com dois blocos, sendo um de cinco pavimentos – abrigando todos os setores administrativos e de apoio – e outro de 15 pavimentos, mais um subsolo, além de estacionamento privativo para os parlamentares. Há mais dois pavimentos de estacionamento, com 270 vagas cada, destinado aos servidores e visitantes e mais 250 vagas no entorno do prédio, conforme o projeto urbanístico.
Serão 11 pavimentos destinados aos gabinetes parlamentares, sendo três por andar, com um pavimento destinado à Presidência. Todo o prédio conta com sistema de climatização, redes de dados, acessibilidade e amplo espaço ao público.
A galeria vai dispor de 500 lugares para o cidadão acompanhar as sessões. Há ainda um auditório para mil pessoas, onde serão realizadas audiências públicas e outras solenidades.

Fotos:Diego Queiroz

Veja também

Deputado Eyder Brasil afirma que mola mestra da economia de Rondônia é o agronegócio